el virus do papiloma humano

O vírus do papiloma humano (HPV). Tudo o que precisas de saber

O vírus do papiloma humano (HPV) é a doença sexualmente transmissível mais comum. Descobre o que é e os seus principais sintomas.

O que é o Vírus dp Papiloma Humano?

O Vírus do Papiloma humano (HPV) é a doença sexualmente transmissível mais comum atualmente em todo o mundo. Tamanha é a sua importância que se estima que o vírus esteja presente em 35% dos homens adultos, existindo mais de 100 variantes deste vírus, das quais 15 podem causar cancro uterino. Na verdade, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, aproximadamente 70% dos cancros uterinos no mundo são causados ​​por este vírus. No entanto, pode causar outros tipos de cancro, como cancro da garganta ou do pénis. Tal é a sua importância que estima-se que o HPV seja a causa de 5% de todos os cancros em humanos e de 10% de todos que ocorrem em mulheres.

Portanto, embora os cancros em homens devido ao HPV sejam menos comuns, alguns homens são mais propensos do que outros a desenvolvê-los:

  • Homens infetados com HPV, e com o sistema imunológico fraco têm maior probabilidade de desenvolver problemas de saúde relacionados com o vírus.
  • Homens que praticam sexo anal recetivo têm maior risco de contrair HPV anal e desenvolver cancro do ânus.

Por outro lado, é importante ter em mente que os homens são a principal causa de transmissão para as mulheres. Consequentemente, como o seu modo de transmissão é principalmente por contato sexual, devemos saber como preveni-lo e os seus sintomas.

Como se contagia?

O principal modo de infeção ocorre por meio da relação sexual com outra pessoa portadora do vírus, seja ela vaginal, anal ou oral sem proteção. No entanto, também pode ser transmitido por outros tipos de contato com a pele durante a relação sexual. Dessa forma, mesmo que não haja penetração ou ejaculação, a fricção dos órgãos genitais ou o contato com as mãos pode ser suficiente para o contágio.

Portanto, a transmissão pode ocorrer sem o conhecimento, quando a pessoa infetada não apresenta sintomas aparentemente visíveis. Essa circunstância ocorre principalmente em homens, pois muitas vezes eles não apresentam sintomas visíveis, mesmo estando infetados.

Além disso, é importante destacar alguns fatores que podem aumentar o risco de infeção:

Quais são os sintomas e tratamentos?

No caso dos homens, ao contrário da candidíase, a maioria dos que contraem HPV não apresenta sintomas aparentes e em muitos casos a infeção desaparece. No entanto, nos casos em que ocorrem os sintomas, eles geralmente manifestam-se sob a forma de verrugas no trato genital ou em redor do ânus.

Essas verrugas podem ser de tamanhos e formas diferentes e, quando aparecem, podem permanecer iguais, desaparecer ou aumentar de tamanho ou quantidade.

Caso detecte a presença de verrugas ou outro tipo de caroço ou ferida, é importante que vá a um especialista para que eles possam diagnosticar se são devido ao HPV, embora deva ser levado em consideração que as variantes do vírus que causam verrugas não são as mesmas que causam cancro.

virus do papiloma humano

Como pode ser prevenido o HPV?

A propagação do HPV pode ser evitada de duas maneiras principais:

A primeira delas é através da vacinação.

Atualmente as vacinas contra o HPV são muito eficazes e seguras, pelo que as principais instituições médicas internacionais apoiam a sua aplicação. Portanto, se ainda não recebeste a vacina, podes pedir ao teu médico para te informar sobre o procedimento.

A segunda forma de prevenção é o uso de preservativos.

O seu uso não garante 100% a não transmissão, mas reduz significativamente o risco de contrair o vírus, assim como outras doenças sexualmente transmissíveis. Além disso, é importante usar o preservativo de forma adequada. Em qualquer caso, manter relacionamentos de forma responsável e segura ajudará sempre a evitar contrair DSTs. Está nas tuas mãos.

Lembra-te que este documento é informativo e que caso tenhas alguma dúvida ou sintoma, é recomendável ir ao médico.

Tambien te puede interesar

candidíase no homem

A candidíase é uma infeção muito incómoda que não podemos ignorar e, portanto, devemos tomar todas as precauções necessárias. Neste artigo, explicamos como controlar o seu aparecimento.

21 Outubro, 2020